Ellen G. White Writings

<< Back Forward >>

«Back «Prev. Pub. «Ch «Pg   Pg» Ch» Next Pub.» Forward»

Orientação da Criança, Page 229

Os anjos são obreiros; são ministros de Deus para os filhos dos homens. Aqueles servos indolentes que antevêem um Céu de inatividade têm uma falsa idéia do que constitui o Céu. O Criador não preparou um lugar para a satisfação de pecaminosa indolência. O Céu é um lugar de interessada atividade; no entanto, para o cansado e oprimido, para os que pelejaram a boa peleja da fé, será um glorioso descanso; pois seus serão a juventude e o vigor da imortalidade, e não mais terão de combater contra o pecado e Satanás. Para esses dinâmicos obreiros, um estado de eterna indolência seria enfadonho. Não seria Céu para eles. A trilha de trabalho apontada aos cristãos na Terra pode ser dura e fatigante, mas é honrada pelas pegadas do Redentor. E aquele que segue esse sagrado caminho estará seguro. — Christian Temperance and Bible Hygiene, 99.

Capítulo 59 — Ensino de ofícios úteis

Toda criança deve aprender algum ofício

O descuido dos pais, ao deixar de dar ocupação aos filhos que assumiram a responsabilidade de trazer ao mundo, tem resultado em indizível mal, pondo em perigo a vida de muitos jovens e lhes invalidando grandemente a utilidade. É um grande erro permitir que moços cresçam sem aprender algum ofício. — Manuscrito 121, 1901.

Da coluna de nuvens, Jesus ordenou aos hebreus, por meio de Moisés, que deviam ensinar os filhos a trabalhar, que lhes deviam ensinar ofícios e que ninguém devia ficar ocioso. — Manuscrito 24b, 1894.

Deveis ajudar vossos filhos a adquirir conhecimento, para que, se necessário, possam viver de seu próprio trabalho. Deveis ensinar-lhes a ser decididos em seguir aos apelos do dever. — The Signs of the Times, 19 de Agosto de 1875.

«Back «Prev. Pub. «Ch «Pg   Pg» Ch» Next Pub.» Forward»