Ellen G. White Writings

<< Back Forward >>

«Back «Prev. Pub. «Ch «Pg   Pg» Ch» Next Pub.» Forward»

Orientação da Criança, Page 70

conversa se prolongar sobre aspectos objetáveis de caráter, se formam o hábito de falar, queixando-se do rumo que outros têm seguido, os pequeninos tirarão lições das palavras e expressões de desprezo, e seguirão o pernicioso exemplo. Como a nódoa da lepra, o mal impresso, a eles se apegará na vida posterior.

A semente semeada na infância pela mãe cuidadosa e temente a Deus, torna-se árvore de justiça, que florescerá e dará frutos; e as lições dadas por um pai temente a Deus, por preceito e pelo exemplo, como no caso de José, mais tarde produzirão abundante colheita. — Good Health, Janeiro de 1880.

Seção 6 — Lições sobre virtudes práticas

Capítulo 20 — Prestatividade

Ensinar as crianças a serem prestativas

Na escola do lar, as crianças devem ser ensinadas a cumprir os deveres práticos da vida diária. Enquanto ainda são pequenas, deve a mãe dar-lhes alguma tarefa simples a fazer, cada dia. Levará mais tempo para os ensinar do que fazê-la ela própria; mas lembre-se de que deve, para a formação do caráter delas lançar o fundamento da prestatividade. Lembre-se de que o lar é a escola em que ela é a mestra principal. Toca-lhe ensinar aos filhos a cumprir os deveres da casa, pronta e habilmente. Tão cedo quanto possível, na vida deles, devem ser ensinados a participar dos encargos do lar. Desde a infância, ensinem-se os meninos e meninas a enfrentar cada vez mais pesados encargos, auxiliando inteligentemente na obra da sociedade familiar. — Conselhos aos Professores, Pais e Estudantes, 122.

«Back «Prev. Pub. «Ch «Pg   Pg» Ch» Next Pub.» Forward»