Ellen G. White Writings

<< Back Forward >>

«Back «Prev. Pub. «Ch «Pg   Pg» Ch» Next Pub.» Forward»

Primeiros Escritos, Page 107

de tudo isto, eles têm de enfrentar a incredulidade e o preconceito de oponentes e ser pisados por alguns.

Quão mais fácil seria alcançar o coração e quão mais glorificado seria Deus se Seus servos ficassem livres do desencorajamento e prova, a fim de poderem com espírito livre apresentar a verdade em sua beleza. Os que têm sido culpados de requerer tanto labor dos servos de Deus, sobrecarregando-os com provas que eles mesmos deviam solucionar, terão de dar contas a Deus por todo o tempo e recursos despendidos para satisfazê-los, satisfazendo assim também ao inimigo. Eles deviam estar em situação de ajudar a seus irmãos. Nunca deviam transferir suas provas e dificuldades para sobrecarregar toda uma reunião, ou esperar até que algum dos mensageiros venha para solucioná-las; mas deviam ir diretamente a Deus pessoalmente, tendo afastado do caminho os seus problemas, estando assim preparados quando os obreiros vierem, sustentando-lhes as mãos em vez de enfraquecê-las.

*****

Esperança da igreja*De The Review and Herald, 10 de Junho de 1852.

Ao olhar ultimamente ao redor em busca dos humildes seguidores do manso e terno Jesus, minha mente tem sido muito exercitada. Muitos que professam estar aguardando a iminente volta de Cristo estão se conformando com este mundo e buscando mais fervoroso aplauso dos que os cercam do que a aprovação de Deus. São frios e formais, como as igrejas nominais das quais estão separados apenas pouco tempo. As palavras endereçadas à igreja de Laodicéia descrevem perfeitamente sua presente condição. Ver Apocalipse 3:14-20. Eles não são frios “nem quentes”, mas são mornos. E a menos que

«Back «Prev. Pub. «Ch «Pg   Pg» Ch» Next Pub.» Forward»