Larger font
Smaller font
Copy
Print
Contents

Conselhos sobre a Escola Sabatina

 - Contents
  • Results
  • Related
  • Featured
No results found for: "".
    Larger font
    Smaller font
    Copy
    Print
    Contents

    Estudo reforçado por oração

    Devemos exercer todas as faculdades do espírito no estudo das Escrituras, e adaptar a inteligência e compreender,CES38 17.3

    até onde isto for possível a seres mortais, as profundezas de Deus; todavia não devemos esquecer que a docilidade e submissão de uma criança é o espírito que deve ser possuído pelo pesquisador da verdade. Dificuldades espirituais não podem ser resolvidas pelos mesmos métodos empregados na solução de problemas filosóficos. Não devemos abordar o estudo da Bíblia com aquela confiança própria com que muitos ingressam nos domínios da ciência, mas com um espírito de humildade e de súplica, e com um sincero desejo de conhecer a vontade de Deus. Para obter conhecimentos do grande “Eu Sou” devemos vir com um espírito humilde e dócil. De outro modo os espíritos maus hão de cegar-nos de tal modo os olhos e de tal modo nos endurecer o coração, que não seremos impressionados com a verdade.CES38 17.4

    Muitas passagens das Escrituras, que homens doutos consideram mistérios ou passam por alto como merecendo pouca importância, estão cheias de conforto para aquele que aprender na escola de Cristo. Uma das razões por que muitos teólogos não têm melhor compreensão da Bíblia é que eles fecham os olhos para as verdades que não lhes convêm praticar. A compreensão da Bíblia não depende tanto da força intelectual posta ao serviço do seu estudo quanto da singeleza de propósito, do sincero desejo de conhecer a verdade.CES38 17.5

    A Bíblia nunca deve ser estudada sem oração. Só o Espírito Santo é capaz de nos fazer sentir a importância daquelas coisas que são fáceis de compreender ou de prevenir-nos de desvirtuar as verdades de difícil compreensão. É a missão dos anjos celestiais preparar a nossa mente para uma compreensão da Palavra de Deus,CES38 18.1

    de modo a sermos encantados por sua beleza, admoestados pelas suas advertências, e animados e confortados pelas suas promessas. Devemos fazer nossa a súplica do salmista: “Desvenda os meus olhos, para que veja as maravilhas da Tua lei.” Salmos 119:18. As tentações parecem muitas vezes irresistíveis porque, pela negligência da oração e do estudo da Bíblia, não ocorrem prontamente ao tentado as promessas de Deus para poder enfrentar a Satanás com as armas das Escrituras. Entretanto, os anjos estão ao redor dos que são dóceis ao ensino de Deus; e em tempos de grandes provas eles hão de lembrar-lhes as verdades que eles necessitam. — Testimonies on Sabbath School Work, 121, 122.CES38 18.2

    Larger font
    Smaller font
    Copy
    Print
    Contents