Larger font
Smaller font
Copy
Print
Contents

Conselhos Aos Pais, Professores E Estudantes

 - Contents
  • Results
  • Related
  • Featured
No results found for: "".
    Larger font
    Smaller font
    Copy
    Print
    Contents

    7 — O Modelo Celestial

    Aproximamo-nos rapidamente da crise final da história do mundo, e é de importância que compreendamos deverem as vantagens educacionais oferecidas por nossas escolas ser diferentes das que oferecem as escolas do mundo. Tampouco devemos seguir a rotina das escolas mundanas. A instrução dada nas escolas dos adventistas do sétimo dia deve ser de molde a levar à prática da verdadeira humildade. Na linguagem, no vestuário, no regime alimentar e na influência exercida, deve ser vista a singeleza da verdadeira piedade.CP 56.1

    Nossos professores necessitam compreender a obra que deve ser feita nestes últimos dias. A educação proporcionada em nossas escolas, em nossas igrejas, em nossos hospitais, deve apresentar claramente a grande obra a ser cumprida. Torne-se clara aos estudantes de todos os graus de adiantamento a necessidade de arrancar da vida toda prática mundana que se oponha aos ensinos da Palavra de Deus, e de preencher seu lugar com ações que apresentem o selo da natureza divina. A nossa obra de educação deve sempre trazer o cunho celestial, e revelar dessa maneira quanto a instrução divina sobreleva ao ensino do mundo.CP 56.2

    Para alguns essa obra de transformação total pode parecer impossível. Mas, se assim fosse, por que incorrer, afinal, nas despesas de tentar levar avante a obra de educação cristã? Nosso conceito do que significa a verdadeira educação é de que ela sempre nos induz a buscar a estrita pureza de caráter. Em toda a nossa mútua relação devemos ter em vista que nos estamos habilitando a ser transferidos para outro mundo; os princípios do Céu devem ser aprendidos e praticados; deve ser gravada na mente de cada aluno a superioridade da vida futura sobre a presente. Os professores que deixam de incluir isso em sua obra educativa deixam de ter parte na grande obra de desenvolver o caráter que possa ter a aprovação de Deus.CP 56.3

    Pondo-se o mundo, nesta época, cada vez mais sob a influência de Satanás, os verdadeiros filhos de Deus desejarão mais e mais ser ensinados por ele. Devem empregar-se professores que dêem um molde celestial ao caráter da juventude. Sob a influência de tais ensinadores, práticas dispensáveis e tolas serão substituídas por hábitos e práticas adequados aos filhos e filhas de Deus.CP 57.1

    Tornando-se mais pronunciada a impiedade do mundo, e mais amplamente desenvolvidos e aceitos os ensinos do mal, devem os ensinos de Cristo apresentar-se exemplificados na vida de homens e mulheres convertidos. Anjos estão à espera para cooperarem em todo departamento da obra. Isso tem sido apresentado a mim repetidas vezes. No tempo presente, o povo de Deus, homens e mulheres que verdadeiramente são convertidos, deve aprender, sob o ensino de professores fiéis, as lições a que o Deus do Céu dá valor.CP 57.2

    A obra mais importante de nossas instituições de educação no tempo atual é colocar perante o mundo um exemplo que honre a Deus. Santos anjos devem superintender a obra, mediante fatores humanos, e cada departamento deve trazer o cunho da excelência divina.CP 57.3

    Todas as nossas instituições de saúde, todas as nossas casas publicadoras e todas as nossas instituições de Ensino devem ser dirigidas mais e mais de acordo com a instrução que tem sido dada. Quando Cristo é reconhecido como a cabeça de todas as nossas forças em operação, mais e mais se purificarão nossas instituições de toda prática comum e mundana. A ostentação e pretensão, e muitas das exibições que anteriormente têm tido lugar em nossas escolas, ali não terão lugar quando professores e estudantes procurarem realizar a vontade de Deus na Terra como é feita no Céu. Cristo, como o principal fator em ação, modelará e dará têmpera ao caráter em conformidade com a ordem divina; e estudantes e professores, compenetrando-se de que se preparam para a escola superior nas cortes celestiais, lançarão fora muitas coisas que ora julgam necessárias, e engrandecerão e seguirão os métodos de Cristo.CP 57.4

    O pensamento da vida eterna deve achar-se entretecido em tudo a que o cristão põe as mãos. Se o trabalho efetuado é de natureza agrícola ou mecânico, pode ser ainda conforme o modelo celestial. É privilégio dos preceptores e professores de nossas escolas revelar em todo o seu trabalho a direção do Espírito de Deus. Mediante a graça de Cristo foram tomadas todas as providências para o aperfeiçoamento do caráter à semelhança do de Cristo; e Deus é honrado quando Seu povo, em todo o seu trato social e comercial, revela os princípios do Céu.CP 58.1

    O Senhor exige correção nas menores coisas, bem como nas maiores. Os que por fim forem aceitos como membros da corte celestial serão homens e mulheres que aqui na Terra procuraram executar em todo sentido a vontade do Senhor, e que procuraram imprimir o selo do Céu em seus trabalhos terrestres.CP 58.2

    O Senhor deu uma lição importante a Seu povo em todos os séculos quando a Moisés, no monte, deu instruções com respeito à construção do tabernáculo. Naquela obra, exigiu perfeição em cada detalhe. Moisés era versado em todo o saber dos egípcios; tinha conhecimento de Deus, e os propósitos divinos lhe haviam sido revelados em visões; mas não sabia fazer gravações nem bordar.CP 59.1

    Israel fora conservado todos os seus dias em cativeiro no Egito, e embora houvesse entre eles homens hábeis, não tinham sido instruídos nas primorosas artes que eram exigidas na construção do tabernáculo. Sabiam fazer tijolos, mas não entendiam do trabalho em ouro ou prata. Como se deveria fazer a obra? Quem era idôneo para tais coisas? Estas eram questões que perturbavam o espírito de Moisés.CP 59.2

    Então o próprio Deus explicou como o trabalho deveria ser realizado. Indicou por nome as pessoas que desejava fizessem determinados trabalhos. Bezalel devia ser o arquiteto. Esse homem pertencia à tribo de Judá - tribo que Deus Se deleitava em honrar.CP 59.3

    “Depois, falou o Senhor a Moisés, dizendo: Eis que Eu tenho chamado por nome a Bezalel, o filho de Uri, filho de Hur, da tribo de Judá, e o enchi do Espírito de Deus, de sabedoria, e de entendimento, e de ciência em todo artifício, para inventar invenções, e trabalhar em ouro, e em prata, e em cobre, e em lavramento de pedras para engastar, e em artifício de madeira, para trabalhar em todo lavor.CP 59.4

    “E eis que Eu tenho posto com ele a Aoliabe, filho de Aisamaque, da tribo de Dã, e tenho dado sabedoria ao coração de todo aquele que é sábio de coração, para que façam tudo o que te tenho ordenado” (Êx 31:1-6).CP 59.5

    A fim de que o tabernáculo terrestre pudesse representar o celestial, devia ser perfeito em todas as suas partes, e ser, em cada mínimo detalhe, semelhante ao modelo do Céu. Tal é o que se dá com o caráter dos que finalmente são aceitos à vista do Céu.CP 60.1

    O Filho de Deus desceu à Terra a fim de que nEle pudessem homens e mulheres ter uma representação do caráter perfeito que unicamente Deus pode aceitar. Mediante a graça de Cristo todas as providências foram tomadas para a salvação da família humana. É possível que toda transação em que tomem parte os que se declaram cristãos, seja tão pura como as ações de Cristo. E a alma que aceita as virtudes do caráter de Cristo e se apodera dos méritos de Sua vida é, à vista de Deus, tão preciosa como o Seu próprio amado Filho. A fé sincera e incontaminada é para Ele como ouro, incenso e mirra - as dádivas dos magos ao Infante de Belém, e a prova de sua fé nEle, como o Messias prometido.CP 60.2

    __________CP 60.3

    Ensine-se às crianças e aos jovens que toda falta, toda dificuldade e todo erro vencidos se tornam um degrau no acesso a coisas melhores e mais elevadas. É mediante tais experiências que todos os que tornaram a vida digna de ser vivida conseguiram o êxito. Educação, p. 296.CP 60.4

    Larger font
    Smaller font
    Copy
    Print
    Contents