Larger font
Smaller font
Copy
Print
Contents

Conselhos sobre o Regime Alimentar

 - Contents
  • Results
  • Related
  • Featured
No results found for: "".
    Larger font
    Smaller font
    Copy
    Print
    Contents

    Requer-se decisão de caráter

    255. Negar o apetite requer decisão de caráter. Por falta dessa decisão, multidões se arruínam. Fracos, maleáveis, fáceis de ser guiados, muitos homens e mulheres fracassam completamente quanto a tornar-se aquilo que Deus deseja que sejam. Os que são destituídos de decisão de caráter não podem ter êxito na tarefa diária de vencer. O mundo está cheio de homens e mulheres embrutecidos, intemperantes e débeis mentais, e quão difícil lhes é tornarem-se cristãos genuínos!CRA 165.2

    Que diz o grande Médico-Missionário? — “Se alguém quiser vir após Mim, renuncie-se a si mesmo, tome sobre si a sua cruz, e siga-Me.” É obra de Satanás tentar os homens a tentar seus semelhantes. Ele se esforça por induzir os homens a serem coobreiros seus, em sua obra de destruição. Esforça-se por levá-los a entregar-se tão cabalmente à condescendência com o apetite e às excitantes diversões e loucuras que a natureza humana anseia, mas que a Palavra de Deus proíbe decididamente, que podem ser postos na categoria de seus auxiliares — a trabalhar com ele a fim de destruir a imagem de Deus no homem.CRA 165.3

    Pelas fortes tentações de principados e potestades (Efésios 6:12), muitos são enredados. Escravos do capricho do apetite, tornam-se embrutecidos e degradados. ...CRA 165.4

    “Ou não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos? Porque fostes comprados por bom preço; glorificai pois a Deus no vosso corpo, e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus.”CRA 166.1

    Os que têm a constante intuição de se acharem nesta relação para com Deus não colocarão no estômago alimento que agrade o apetite, mas faça mal aos órgãos digestivos. Não arruinarão a propriedade de Deus condescendendo com hábitos impróprios de comer, beber ou vestir. Tomarão grande cuidado com a máquina humana, reconhecendo que isto devem fazer a fim de trabalhar em parceria com Deus. Ele deseja que sejam sadios, felizes e úteis. Para isto serem, porém, devem colocar a sua vontade ao lado da vontade de Deus. — Carta 166, 1903.CRA 166.2

    256. Sedutoras tentações de ceder à concupiscência da carne, à concupiscência dos olhos e à soberba da vida, hão de ser encontradas a cada passo. O exercício do firme princípio, e o estrito controle dos apetites e paixões, em nome de Jesus o Vencedor, tão-somente, nos conduzirão em segurança através da vida. — The Health Reformer, Maio de 1878.CRA 166.3

    Larger font
    Smaller font
    Copy
    Print
    Contents