Larger font
Smaller font
Copy
Print
Contents

Conselhos sobre o Regime Alimentar

 - Contents
  • Results
  • Related
  • Featured
No results found for: "".
    Larger font
    Smaller font
    Copy
    Print
    Contents

    Veementes apelos quanto à reforma

    711. Muitos pais procedem como se estivessem privados da razão. Acham-se num estado de letargia, paralisados pela condescendência com apetites pervertidos e paixões rebaixadoras. Nossos pastores, que conhecem a verdade, devem despertar o povo de sua condição de paralisia, e levá-lo a abandonar as coisas que criam o apetite quanto à carne. Caso negligenciem reformar-se, perderão o poder espiritual, e tornar-se-ão mais e mais aviltados por pecaminosa condescendência. Hábitos que desgostam ao universo celeste, que degradam seres humanos mais baixo que os animais, são nutridos em muitos lares. Que todos quantos conhecem a verdade, digam: “Que vos abstenhais das concupiscências carnais que combatem contra a alma.”CRA 399.2

    Que nenhum de nossos pastores estabeleça um mau exemplo no comer carne. Que eles e sua família vivam segundo a luz da reforma de saúde. Não animalizem nossos pastores sua natureza e a de seus filhos. Os filhos cujos desejos não foram refreados, são tentados não somente a condescender com hábitos comuns de intemperança, mas a dar rédeas soltas a suas paixões inferiores, e a menosprezar a pureza e a virtude. Esses são levados por Satanás, não somente a corromper o próprio corpo, mas a cochichar suas más comunicações a outros. Se os pais estão cegos pelo pecado, deixam muitas vezes de discernir estas coisas.CRA 399.3

    Deus manda aos pais que moram nas cidades o grito de advertência: Reuni vossos filhos em vossas próprias casas; recolhei-os para longe dos que estão menosprezando os mandamentos de Deus, que estão ensinando e praticando o mal. Saí das cidades o mais depressa possível.CRA 400.1

    Os pais podem adquirir pequenas casas no campo, com terra para cultivar, onde possam ter pomares e cultivar verduras e pequenos frutos para substituírem o alimento cárneo, tão corruptor do sangue vital que corre nas veias. — Manuscrito 133, 1902.CRA 400.2

    Larger font
    Smaller font
    Copy
    Print
    Contents