Larger font
Smaller font
Copy
Print
Contents

Conselhos sobre o Regime Alimentar

 - Contents
  • Results
  • Related
  • Featured
No results found for: "".
    Larger font
    Smaller font
    Copy
    Print
    Contents

    Sofrimento procurado

    198. A família humana tem atraído sobre si enfermidades de várias espécies, em virtude de seus próprios hábitos errôneos. Não tem procurado saber como viver de maneira saudável, e sua transgressão das leis tem produzido um deplorável estado de coisas. Raramente as pessoas têm atribuído os seus sofrimentos a sua verdadeira causa — seu próprio mau procedimento. São condescendentes na intemperança no comer, e fazem do apetite um deus. Em todos os seus hábitos têm eles manifestado descuido em relação à saúde e à vida; e quando, como resultado, são acometidos de enfermidades, procuram crer que Deus é o autor disto, quando sua própria conduta má propiciou o inevitável resultado. — Healthful Living, 49 (1866).CRA 121.3

    199. A moléstia nunca vem sem causa. O caminho é preparado, e a doença convidada, pela desconsideração para com as leis da saúde. Muitos sofrem em conseqüência da transgressão dos pais. Conquanto não sejam responsáveis pelo que seus pais fizeram, é no entanto seu dever procurar verificar o que é e o que não é violação das leis da saúde. Devem evitar os hábitos errôneos de seus pais, e mediante uma vida correta, colocar-se em melhores condições.CRA 122.1

    O maior número, todavia, sofre devido a sua própria direção errônea. Desatendem aos princípios sanitários por seus hábitos de comer e beber, vestir e trabalhar. Sua transgressão das leis da natureza produz os infalíveis resultados; e ao sobrevir-lhes a doença, muitos não atribuem seu sofrimento à verdadeira causa, mas murmuram contra Deus por causa de suas aflições. Mas Deus não é responsável pelo sofrimento que se segue ao menosprezo da lei natural. ...CRA 122.2

    A intemperança no comer é muitas vezes a causa da doença, e o que a natureza precisa mais é ser aliviada da indevida carga que lhe foi imposta. — A Ciência do Bom Viver, 234, 235 (1905).CRA 122.3

    [Pais semeiam a semente de enfermidade e morte — 635]

    [A penalidade inevitável — 11, 29, 221, 227, 228, 250, 251 e 294]

    Larger font
    Smaller font
    Copy
    Print
    Contents